Página Inicial
QUARTA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2014 - SPLENDOR THERMAS APART SERVICE

Caldas Novas

Localizada no sudoeste do estado de Goiás, Caldas Novas é a maior estância hidrotermal do mundo e o maior polo turístico do estado de Goiás. E, à frente de todas as atrações, as águas quentes são as maiores responsáveis pelo turismo da cidade. São naturalmente aquecidas, surgindo do subsolo em uma temperatura entre 37º a 58º C.

Histórico

Em 1722, o Bandeirante Bartolomeu Bueno da Silva Filho, entrou pelo sertão de Goiás a Caldas Novasprocura de ouro. Quando chegou à região de Caldas Novas, mais precisamente na serra, descobriu o Ribeirão das Águas Quentes, o qual também possuía ouro. Porém, existem documentos na Espanha que registram as águas de Caldas Novas datadas de 1545. Em 1777, Martin Coelho da Siqueira, descobriu duas fontes termais conhecidas como Caldas de Pirapitinga e Córrego das Lavas, descobrindo também ouro. Com o movimento do ouro, foram construídas as primeiras habitações que deram origem ao povoado de Quilombo. Em 1818, o escritor francês e naturalista August de Sainthilaire chega ao sertão de Goiás, encontrando e registrando em seus livros diversas fontes termais. Em 1828, o governador do Estado Sr. Fernando Delgado de Castilho visita as fontes termais e comprova, pessoalmente, suas caracterfsticas terapêuticas, curando-se de reumatismo. O governo brasileiro, tomando conhecimento deste fato, encarregou o Dr. Vicente Moretti Foggia de examinar as águas e verificar suas propriedades terapêuticas. Em 1850, foi construlda pelo Cel. Luis Gonzaga de Menezes e por Domingos José Ribeiro a Igreja "Nossa Sra. do Desterro", que em 1888, foi substituída pela "Nossa Sra. das Dores ", onde hoje se acha a Cidade. Em 21 de Outubro de 1911, é instalado o município de Caldas Novas, sendo seu 1° intendente o Cel. Bento de Godoy, em 1915 eleito o primeiro Prefeito Cel. Orcalino Santos.

Origem das fontes termais

As fontes termais atraíram e continuam chamando a atenção de dezenas de pesquisadores que questionam suas origens geológicas. Uns dizem que as fontes são enriquecidas com minérios de urânio desintegrado, presentes na serra de Caldas. Outros são favoráveis à mais Lagoa Quente - Caldas novasantiga das versões que explica o fenômeno das águas serem quentes por brotarem da cratera de um vulcão extinto há milhares de anos. O cientista Rui Bueno de Arruda Camargo chegou à conclusão que "presumidamente, numa época muito remota do vulcanismo, houve uma convulsão telúrica no planalto central de Goiás e de uma grande montanha de forma circular eram expelidas larvas, cinzas e gases de seu topo. Por milhares de anos permaneceu esta erupção até cessarem totalmente e a montanha tomou-se inerte. Outros milhares de anos se passaram e a erosão das chuvas e do vento corroeram as suas bordas. Os desmoronamentos sucessivos, a decomposição das rochas e a dissolução das lavas e cinzas, carregadas pelas enxurradas foram entupindo o vulcão extinto. Tendo sido fechado, o calor e a pressão dos gases intemos provocaram trincas na rocha, na base da montanha e por elas eram expelidas vapores d'água misturados com gases, formando assim, inúmeras fontes de 'geyser' . Com o arrefecimento das atividades do vulcão e diminuição da pressão dos gases internos, pelas trincas e furos na rocha saíram apenas borbulhas. Num dos pontos onde havia maior número de fontes, a quantidade de água era tanta que formou um ribeirão de águas quentes". Recentemente surgiu outra versão chamada de "teoria do recalque", que diz ser o platô da Serra de Caldas uma área de retro-alimentação onde estão as infiltrações e reserva de grande volume de águas freáticas. Essas águas penetram através das fendas das rochas adquirindo propriedades físico-químicas devido às contribuições do grau geotérmíco, das emanações de vapores e do calor das rochas em resfriamento. A água fria infiltrada, sob pressão, procura a superficie em forma de fontes naturais termais.

Propriedades terapêuticas

As águas provenientes das camadas profundas do subsolo, quando afloram à superficie, trazem dissoluções de sais minerais e gases, que possuem diversas propriedades terapêuticas. Essas águas, quando bebidas na fonte, por vários dias, agem como uma lavagem interna do aparelho digestivo, sendo indicadas nas infecções e moléstias alérgicas.
Efeitos Benéficos: Afecções do Aparelho Digestivo; Estimulante do Metabolismo das Glândulas Endócrinas; Aumento da Diurese e Excreção de Ácido úrico; Produz Efeito Sedativo sobre o Sistema Nervoso; Indicada p/ Tratamento Reumáticos, Alérgicos, p/ Gastrite, Afecções da Pele, Artrite, Nevralgias, Nefrites e Afecções Articulares; Baixa da Pressão Arterial, especialmente na Arteriosclerose; Eliminação de Depósito Gotoso; Melhora a Digestão Gástrica e Duodenal; Aumenta a Vitalidade Sexual; Ação Notável nas Afecções do Nervo Simpático, Verdadeira Fonte de Rejuvenescimento. Temperatura das Águas: 35° a 47°C nas piscinas 54ºC nas saunas.

Condom?nio Splendor Thermas Apart Service - Copyright 2010 - Todos os direitos reservados